Últimas notícias, matérias ,fotos de Parelhas e Região com Macos Silva

Seja um de nossos seguidores

Classificados: Notebook Samsung Intel® Core® i5 - Aproveite 84 9967-8543 Parelhas RN

Classificados: Notebook Samsung Intel® Core® i5  - Aproveite 84 9967-8543 Parelhas RN
Classificados: Notebook Samsung Intel® Core® i5 - Aproveite 84 9967-8543 De: R$ 1.898,00 Por: R$ 1.598,00 Parelhas RN

quinta-feira, 24 de março de 2011

PROMOTOR QUER ACABAR COM JOGO DO BICHO NO RN

O Ministério Público Estadual (MPE) do Rio Grande do Norte decidiu decretar "guerra" de uma vez por todas contra o jogo do bicho, atividade que é proibida na legislação brasileira, mas é realizada tranquilamente em todo o Estado. A intenção do promotor Wendell Beetoven Ribeiro Agra é que a Polícia Civil adote medidas rígidas em todo o Estado contra essa prática. Já houve algumas ações isoladas, em algumas cidades do RN. Em Jucurutu, por exemplo, o delegado da cidade é quem foi preso.
Wendel Beetoven, que é da Promotoria de Justiça de Investigação Criminal, em Natal, solicitou às polícias Civil e Militar que ajam com maior rigor no combate à atividade, que é considerada contravenção - não chega a ser um crime, mas não é permitido no Estado. Por meio da assessoria de imprensa, o promotor disse que sua decisão foi tomada porque a prática ilícita é cometida livremente em praticamente todo o estado. "Isso pode caracterizar possível ineficiência ou conivência do sistema estadual de segurança pública com a prática de tal infração no RN", destacou o promotor de justiça.
À Polícia Civil ele recomenda que todos os servidores sejam orientados a combater o jogo do bicho, tanto na capital quanto no interior. Para a capital, a recomendação é para que a Delegacia Especializada em Costumes, que é responsável pela investigação da contravenção, faça seu papel. No interior, o dever de investigar esse tipo de caso é das delegacias distritais. O promotor solicita que sejam feitas operações policiais para identificar os pontos de exploração do jogo do bicho e que todos os envolvidos sejam responsabilizados, incluindo aquelas pessoas que participam direta e indiretamente.
Para a Polícia Militar as recomendações são semelhantes. Orienta que todos os policiais militares do Estado sejam informados sobre a "obrigação" de coibir o jogo do bicho. O documento é direcionado para os comandantes de Destacamentos, Pelotões, Companhias e Batalhões do interior e também da capital, assim como oficiais que ficam responsáveis pelo policiamento ostensivo no dia a dia dessas cidades. O promotor lembra que o não-cumprimento da recomendação pode resultar em ação criminal por omissão ou até por corrupção, caso seja provado em uma investigação paralela.
Foi justamente isso que aconteceu com o delegado Pedro Melo do Nascimento, que já foi delegado em Mossoró e foi condenado recentemente a mais de 14 anos de prisão justamente por uma questão associada ao jogo do bicho, em Jucurutu. Em 2008, ele era delegado da cidade e recebeu uma recomendação semelhante a esta que foi emitida por Beetoven. Ao invés de investigar a prática na cidade, o delegado cobrou propina aos bicheiros para não coibir a prática na cidade. A investigação foi feita pelo próprio MPE e em junho de 2010 Pedro foi preso ao ameaçar uma das testemunhas.
Pedro Melo foi condenado a 14 anos e quatro meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva, que é quando um servidor público aceita propina, e por concussão, que é quando o servidor cobra a propina. Ele ficou preso desde junho do ano passado, mas recorreu da decisão e ganhou o direito de aguardar o resultado em liberdade. Ele ainda continua nos quadros da Civil, onde foi investigado por outros dois casos de irregularidade por delegacias que já respondeu. O processo interno que pode resultar na sua expulsão ainda não foi concluído e o processo criminal está sob segredo de justiça.
*Jornal de fato

8 Comentário - Deixe seu Comentário:

Anônimo disse...

Eu acho um absurdo isso, não pode !

Anônimo disse...

tem familias que vivem disso

Anônimo disse...

GENTE, SEGUINTE...
O JOGO DO BICHO NÃO É PROIBIDO????

SE É PROIBIDO, COMO TEM GENTE QUE JOGA, QUE GANHA, PASSA ATÉ EM ALGUNS CANAIS OS SORTEIOS, E AINDA... TEM RESULTADOS E DÁ PRA APOSTAR NA INTERNET!!!!!

QUE COISA NÃO???
MAS TIPO ASSIM, EU NÃO SOU CONTRA QUEM JOGA, DE FORMA ALGUMA...

MAS, ME RESPONDAM ENTÃO: COMO É QUE SE JOGA NO BICHO???? EU NÃO ENTENDO...

BEIJOS BYE!

Anônimo disse...

1- é proibido sim.
2-O jogo do bicho é semelhante a uma loteria federal, mas com algumas diferenças. uma delas é que o jogador pode apostar qualquer valor, que muitas vezes é bem acima de suas possibilidades. Quanto maior o valor apostado em uma sequência numérica (milhar, centena, dezena, etc), maior será o prêmio em caso de acerto. Com essa flexibilidade de apostas, o jogador é livre para escolher pelo menor valor possível o seu número da sorte nas 10.000 chances disponíveis de cada sorteio. Exemplo, um apostador joga 1 real em uma milhar no primeiro prêmio (conhecido como cabeça por ser a primeira milhar no topo da lista de resultados), caso acerte ela inteira (os quatro números) ele ganha 3.000 reais (apostas no estado de São Paulo). Se tivesse jogado 50 centavos na mesma aposta e acertado, o apostador ganharia 1.500 reais. Todo "banca" (organizações que fazem a administração do jogo do bicho) tem uma tabela de valores que são apresentados aos apostadores, tabela essa que tem muito pouca diferença de banca para banca

Felipe disse...

Eu sou contra o fim do jogo do bicho

Anônimo disse...

é proibido sim!
e tambem, todo jogo desse tipo é ilicito
Fonte(s):
minha religiao (islam)

PARELHAS/RN disse...

Aqui em parelhas tem essas casas de apostas e se acabar ...como vai ser para aquelas pessoas que gostam do jogo do bicho ?

Anônimo disse...

como querem acabar com o jogo do bicho se ninguem é forçado a jogar,e como as pessoas que vivem do jogo, como os cambistas que se apegaram ao jogo para ter uma renda dentro de casa,pois o indice de desemprego ainda é bastante alto.