Algoz brasileiro, França vence amistoso em Saint-Denis com gol de Benzema













Histórica ‘pedra no sapato’ da seleção brasileira, a França voltou a vencer os pentacampeões do mundo: com gol de Karim Benzema, os ‘Bleus’ anotaram 1 a 0 no famoso Stade de France, onde o Brasil perdeu a decisão da Copa do Mundo de 1998 justamente para os franceses, e levou a melhor em amistoso nesta quarta-feira.


Antes de fazer o gol da vitória aos 9 minutos do segundo tempo, Benzema, destaque da partida, colocou seu talento em prática para ser decisivo de outra forma. Ao tentar dar um chapéu no meio campista Hernanes, o atacante do Real Madrid levou uma solada no peito. O jogador da Lazio foi expulso já no primeiro tempo, mudando totalmente o panorama da partida.

A vitória francesa iguala o retrospecto entre as seleções. Agora são cinco vitórias para cada lado e quatro empates em 14 confrontos. No entanto, a equipe tricolor segue sendo sinônimo de más lembranças para o time canarinho. Além de ter perdido a final de 1998 para os rivais, o Brasil foi eliminados dos Mundiais de 2006 e 1986 pela França e perdeu uma final de Jogos Olímpicos em 1984. Desde 1992 a seleção brasileira não vence o rival.

Esta é a segunda derrota de Mano Menezes no comando. Na partida anterior, a derrota foi para a Argentina, também por 1 a 0. Desde junho de 2008 o Brasil não perdia duas partidas consecutivas. Com Dunga de treinador, o time nacional caiu diante de Venezuela, em amistoso, e para o Paraguai, nas eliminatórias para a Copa.

O jogo
Com 11 contra 11, a seleção brasileira jogou no ataque e teve mais domínio da partida. Ainda assim, o mais perto que o time visitante conseguiu chegar do gol de Remy foi em chutes de longa distância. A chance mais clara foi dos franceses e com Benzema.

Logo aos oito minutos, Benzema mostrou que estava em dia inspirado e chutou cruzado, perto da trave direita de Júlio César, após bom passe de Gourcuff.


Benzema cavou expulsão, fez o gol da vitória e foi o nome do jogo

Crédito da imagem: Reuters
No fim da primeira etapa, o atacante do Real protagonizou o lance que mudou a partida. Ele deu um chapéu no volante Lucas e tentou a mesma jogada em Hernanes. Antes de completá-la, foi golpeado pelo brasileiro com um chute no peito. 

Com apenas dez homens, a seleção de Mano Menezes foi ‘engolida’ pelos donos da casa. Logo aos três minutos do segundo tempo, Malouda cruzou da esquerda, Benzema dominou e mandou para o gol. A bola bateu em David Luiz e Thiago Silva e não entrou.

Quatro minutos depois, o atacante finalmente balançou a rede. Menéz cruzou rasteiro da direita e com liberdade Benzema completou com sucesso. Se não fosse o goleiro Júlio César, os franceses poderiam ter ampliado a vantagem, novamente em jogadas do atleta do Real Madrid. 

No finalzinho do jogo, o Brasil teve a chance de salvar o resultado negativo. Jadson colocou Hulk na cara de Remy, mas o atacante do Porto vacilou e perdeu a bola para o goleiro.

FICHA TÉCNICAFRANÇA 1 x 0 BRASIL
Local: Stade de France, em Saint-Denis (França)
Data: 9/2/2011 (quarta-feira)
Horário: 18h (de Brasília)
Árbitro: Wolfgang Stark (Alemanha)
Assistentes: Jan-Hendrik Salver e Detlef Scheppe (ambos da Alemanha)
Cartões Amarelos: Robinho (BRA); Menez (FRA 
Cartões Vermelhos: Hernanes (BRA)
Gols:FRANÇA: Benzema, aos oito minutos do segundo tempo

FRANÇA: Lloris; Sagna, Rami, Mexes e Abidal; Diarra, M'Vila (Diaby), Gourcuff (Cabaye) e Malouda; Menez (Remy) e Benzema (Gameiru)
Técnico: Laurent Blanc

BRASIL: Julio Cesar; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e André Santos; Lucas, Elias (André), Hernanes e Renato Augusto (Jádson); Robinho (Sandro) e Alexandre Pato (Hulk)
Técnico: Mano Menezes

Resultados dos amistosos pelo mundo:
França 1 x 0 Brasil
Argentina 2 x 1 Portugal 
Alemanha 1 x 1 Itália
Holanda 3 x 1 Áustria 
Dinamarca 1 x 2 Inglaterra
Escócia 3 x 0 Irlanda do Norte
Croácia 4 x 2 República Tcheca
Rússia 0 x 1 Irã
Israel 0 x 2 Sérvia 
Turquia 0 x 0 Coreia do Sul
Albânia 1 x 2 Eslovênia 
Bulgária 2 x 2 Estônia 
Luxemburgo 2 x 1 Eslováquia
Bélgica 1 x 1 Finlândia
Malta 0 x 0 Suíça
Noruega 0 x 1 Polônia
Suécia 1 x 1 Ucrânia
Chipre 1 x 1 Romênia
San Marino 0 x 1 Liechtenstein 
Bielorrússia 1 x 1 Cazaquistão
Grécia 1 x 0 Canadá
Bolívia 1 x 2 Letônia
Macedônia 0 x 1 Camarões
Azerbaijão 0 x 2 Hungria
Líbia 3 x 2 Benin 
Tanzânia 1 x 0 Palestina
Malásia 2 x 0 Hong Kong 
Armênia 1 x 2 Georgia 
Moldávia 2 x 1 Andorra 
Suazilândia 0 x 4 Zâmbia 
Nigéria 2 x 1 Serra Leoa
África do Sul 2 x 0 Quênia

Por ESPN.com.br