Últimas notícias, matérias ,fotos de Parelhas e Região com Macos Silva

Seja um de nossos seguidores

Classificados: Notebook Samsung Intel® Core® i5 - Aproveite 84 9967-8543 Parelhas RN

Classificados: Notebook Samsung Intel® Core® i5  - Aproveite 84 9967-8543 Parelhas RN
Classificados: Notebook Samsung Intel® Core® i5 - Aproveite 84 9967-8543 De: R$ 1.898,00 Por: R$ 1.598,00 Parelhas RN

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

COMPOSIÇÃO DE SERIDOENSE, "VALSA ROYAL CINEMA" ESTÁ PRESTES A COMPLETAR 100 ANOS DE EXISTÊNCIA

Carnaúba dos Dantas é conhecida pelo seu potencial musical. A cidade, ao longo de sua existência já revelou consagrados músicos como Tonheca Dantas, José Alberto Dantas, Pedro Arboés Dantas, Pedro Lúcio Dantas, Enéas Hipólito Dantas, Manuel Hipólito Filho (Fumaça), Felinto Lúcio Dantas, Francisco Rafael Dantas (França), Carlos Guedes Câmara, José Donato Filho, Márcio Dantas de Medeiros, Joelson Idevan de Azevedo e tantos outros.

A mais antiga referência que se tem da atividade musical de Carnaúba dos Dantas está ligada ao nome de José Venâncio Dantas, filho do Tenente-Coronel João José Dantas e da escrava alforriada Vicência Maria do Espírito Santo. Sertanejo humilde tocava requinta e violino e regeu a famosa Banda de Música da Carnaúba de Baixo, onde residia. Compôs várias músicas, dentre elas o Hino de Nossa Senhora da Guia (o primeiro), Padroeira de Acari. E foi nesta mesma banda que tocou Antônio Pedro Dantas, mais conhecido como Tonheca Dantas (foto), que era irmão de José Venâncio. Tonheca foi quem criou uma das mais famosas composições instrumentais, que rompeu fronteiras até nacionais: a "Valsa Royal Cinema", que está prestes a completar 100 anos de existência. Não há uma orquestra, banda sinfônica ou conjunto musical no Brasil que não possua as partituras e não execute Royal Cinema, uma das composições que se tornou clássica. Já na infância, Tonheca conciliava o trabalho duro na agricultura com a arte de tocar clarinete. Cláudio Galvão conta em seu livro "A Desfolhar Saudades - Uma biografia de Tonheca Dantas", que ele jamais teve formação superior como músico, sendo autodidata. Em 1898 foi contratado como maestro da Banda de Música da Polícia Militar do RN, função que exerceu por três anos. Depois tentou a sorte em estados como Paraíba e Pará, retornando em 1911 para Natal, onde passou a integrar a Banda de Musica da PM.

Royal Cinema foi criada em 1913, a pedido do famoso Cinema Royal que acabara de ser inaugurada na Capital do RN. O local funcionava na Rua Vigário Bartolomeu com a Ulisses Caldas. Hoje funciona a Procuradoria Geral de Natal. A valsa de Tonheca fez tanto sucesso, que foi tocada exaustivamente pela Rádio BBC de Londres, durante a Segunda Guerra Mundial, infelizmente executada como sendo de "autor desconhecido". Tonheca faleceu no dia 07 de fevereiro de 1940. Hoje com 97 anos de existência, Royal Cinema vai completar seu centenário de existência em 2013.

0 Comentário - Deixe seu Comentário: